sábado, 22 de setembro de 2018

Cavalos (3)

Regressa o tema dos cavalos na arte de diferentes autores.

O argentino Alberto Salinas na série Dago

Jijé regressa a este tema desta vez com um cavalo em Lua de Prata da série Jerry Spring.

Embora a série seja dedicada ao boxe, temos um cavalo desenhado por John Cullen Murphy na série Big Ben Bolt.


Aidans na série Tony Stark

Jesus Blasco com um animal desenhado em O homem Indestrutível

Mais um especialista no desenho de cavalos. Franz, na série Hyperion.

Da série Mandrake, surge um cavalo ladrão desenhado por Fredericks.

Um Western, onde como é natural imperam estes animais. Matt Dillon nos desenhos de Harry Bishop



O português Joaquim Oliveira em O vale dos cavalos selvagens


Stay Lynde na série Lattigo

O excelente desenhador espanhol  Suso, com um cavalo desenhado na série Gringo.

Uma série pouco divulgada em Portugal. El Coyote, num cavalo da autoria de Batet.

quinta-feira, 20 de setembro de 2018

Jack Diamond

Jack Diamond foi uma série criada no desenho por Liliane e Fred Funcken  com argumento de André Fernez
Jack Diamond tinha tudo para ser uma série de sucesso. Bem desenhada, argumento razoável e personagens interessantes, mas não passou do terceiro episódio. Tinha um agente federal, um jovem sem família e um cão abandonado
Embora decorra no final do século XIX no oeste americano, dentro da genérica classificação temática de Western, a verdade é que mais parece uma série policial, e talvez resida aí um dos motivos da sua curta existência.
O Western na época em que a série foi criada era uma temática para tiros, índios e bandidos que assaltavam diligências e comboios.
No primeiro episódio ocorre o encontro entre Jack e o jovem Bill Oakie, que de ajudante de mercearia passa a ajudante do agente federal, e no segundo episódio os dois salvam a vida a um cão, Mark, que passa a acompanhá-los. Apenas no terceiro episódio o trio aparece completo desde o início da trama.
Depois… acabou.

Na minha coleção tenho os três episódios.


O diabo negro tendo sido publicado em O Falcão dos números 46 a 75, entre 29/10/59 e 19/5/60 e na Revista Mundo de Aventuras 126 de 26/2/76.

O cão d’Absaroka, publicado  no Mundo de Aventuras 142 de 17/6/76


Ladrões de gado publicado  no Mundo de Aventuras 199 de 21/7/77

quarta-feira, 19 de setembro de 2018

Efeméride: Casey Ruggles

Faz hoje 69 anos que surgiu pela primeira vez, 19 de setembro de 1949, a tira diária da série Casey Ruggles, desenhada por Warren Tufts.
Vinheta de CaseyRuggles

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Os rostos da personagem: Lucky Luke

Relativamente a Lucky Luke, mais do que os rostos desenhados por diferentes autores, há uma grande variedade de fisionomias que atestam a evolução feita pelo seu criador Morris.


Arizona (1946)

Rodeo (1948)

Limpeza em Red City (1951)

O elixir do Dr. Doxey (1952)

Chrinfrim em Pancake Valey (1955)

Alerta aos pés-azuis (1956)

A escolta (1964)

Calamity Jane  (1965)

Desafio a Lukcky Luke (1968)

O fio que canta (1977)

Sarah Bernardth (1982)


Depois temos em fase posterior

Achdé

Bonhomme

sábado, 15 de setembro de 2018

Pisca - Pisca nº 1

O primeiro número de Pisca-Pisca surgiu em janeiro de 1968 sob a direção de Álvaro Parreira e durou cerca de dois anos.
Custava 7$50, um valor elevado na época.
O texto ocupava mais espaço que a banda desenhada, mas ao longo das 52 páginas surgiam algumas histórias curtas, todas de origem belga.
Miguel de Cervantes e Saavedra, de Manuel Ferreira; Vitorias do nosso tempo, de Cheneval; O passarinho perdido, uma história desenhada por Mittei; um episódio de Oncle Paul, desenhado por Pascal.

A coleção terminaria em dezembro de 1970.

quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Relendo...ao acaso: Michael Logan

Episódio
O homem do outro lado

Série
Michael Logan

Autores
Desenhos: André Beautemps
Argumento: Van Hamme

Dados sobre o episódio
Titulo original: L'homme de l'autre côté 
Publicação original: Tintin 42 e 45 de 1975 (Bélgica)
Data da publicação: 14 e 21 de outubro de 1975
Leitura: Tintin Anual 1977
16 páginas

Resumo
Michael Logan pousa o seu hidroavião junto a uma ilha que não surge no mapa, com uma avaria. Enquanto espera por socorro na ilha que ele julga deserta, vê surgir uma criança, de nome Elfaniel, possuidora de um discurso muito enigmático.
A criança diz que lhe compôs o avião. Michael acorda e vê que os seus companheiros chegaram. Logan não percebe se a criança era real ou um sonho, mas alguns sinais retiram-lhe a dúvida.

Comentário
Argumento clássico, em que a personagem perante situações estranhas dúvida se sonhou ou se viveu a situação.

quarta-feira, 12 de setembro de 2018

Efeméride: Manara

Faz hoje 73 anos que nasceu, 12 de setembro de 1945, o desenhador italiano Milo Manara.
Vinheta de O Homem de papel, desenhada por Manara